Sunday, 31 May 2009

Untitled abstracts

fotos 040 
it's today in my iPhone wallpaper :-)
fotos 043 
Yesterday, I have been relaxing. I did two paintings with Conté pencils and acrylics over Kraft paper.

Friday, 29 May 2009

New draw by iPhone



I made this Brushe's sketch at three weeks ago in the lunch break, when was talking with three friends. This is Marcos and with he unnoticed me was start this draw.

Tuesday, 26 May 2009

The little drawer

IMG_3395 

 

 

 

 

 

 

My daughter has a box of colored pencils, crayons, inks and markers. All of this items is student's grade. She has 6 years and usually, when I go to draw, she take her box and she draw with me.

At this time I asked her to stay quiet for a few minutes...

 

Colored Pencils in my sketchbook

IMG_3399 
This is one of her drawings on a notebook.

 

Minha filha tem um estojo de lápis de cor,  giz de cera e canetinhas. É um estojo escolar. Ela tem seis anos, mas sempre que vou desenhar ela pega este estojo e senta comigo para fazer alguns trabalhos.

Nesta ocasião, eu pedi para ela ficar por alguns minutos parada.

Friday, 22 May 2009

Funny strokes and better watercolor

IMG_3394
At my home, I have no tool to create better light when I take an photo of my drawings. I need to wait the sun light to do this. I usualy go to work at seven hour and go back to after sunset. Almost, I have no time to shoot.

This drawing I made in the last tuesday. I invited my daughter to draw. She has six years and is already learning to draw.

I´m feeling so good with the watercolors, but I think that I need to learning more to make better control of the washes.. I like very much this portrait in the left... at the right, one funny pict with fast strokes by colored pencils... It's look like the oldest styles of clothes (Seriously, this is out of fashion here lol).

Below, some details of my couch
IMG_3391
And in my iPhone is playing "Fly me to the moon" :-)

Em casa eu não tenho nenhuma ferramenta para criar um boa iluminação para fotografar meus sketchbooks... Geralmente eu preciso esperar pela luz do sol para que possa conseguir uma boa imagem, mas nem sempre isso é possível. Costumo ir para o trabalho às sete da manhã e neste horário a luz do dia ainda não é boa, e chego em casa bem depois do por do sol. Este desenho eu fiz na terça-feira passada, e só agora consegui editar. Lembro que neste dia convidei a minha filha para desenhar e ela fez um trabalhinho dela. Ela tem seis anos e já está sendo inicializada nas artes.

Estou a cada dia me sentindo melhor no controle da aquarela, mas eu sinto que ainda preciso estudar muito mais para ter um melhor controle. Gostei muito deste retrato que fiz a esquerda. E a direita, um tema mais descontraído, de linhas rápidas com lápis de cor, retratando um casal dos anos 20, e o velho estilo das roupar. (é sério, isso já está fora de moda por aqui...)

Monday, 18 May 2009

I’m on Twitter

Hi Dears

At the last month, I was joined on twitter community… I’m thinking to post some photos of Sao Paulo city, in special, the subway (Metro) and some details of this train… If I have success, I’ll start it in the next week…. Kind regards!!


Friday, 15 May 2009

The São Paulo's Subway – the Santana Station

A two weeks ago I drew the subway station Metro Santana, on the São Paulo's north zone. Not occasionally, some stations have been built above the level of the streets, by definition it isn't sub way, and Santana is one of this. More than 20 years ago, it was the last subway station on the north and this way went to Jabaquara station on the solth zone. The time pass, but with out same speed, the subway was expanded. Today, the last station is the Tucuruvi, nearby the Serra da Cantareira (Sierra of the Cantareira). When I come from work to my home, I pass with my motorcycle nearby of three stations.

In this drawing's day, I went to that place at the lunch time with my molesquine and two pencils.
I spend approximate 20min to draw, and later, at my home, I was applied the watercolors...

O Metro de São Paulo – Estação Santana

No antigo dialeto talvez Santana pretenderia dizer Santa Ana. Acredito que por abreviações da pronuncia popular este novo nome acabou sendo criado, que para o paulistano comum pouco faz sentido como nome da mãe da Maria de Nazareth (avó de Jesus). Eu acharia mais interessante esta grafia como “Sant'Ana”. A alguns anos aqui em São Paulo foi canonizado o Frei Galvão, que passou a ser conhecido como Santo Antônio de Sant'Ana Galvão.

Há duas semanas eu desenhei a estação Santana do Metro de São Paulo, na zona norte. Não ocasionalmente, algumas estações foram construídas acima do nível das ruas. Há mais de 20 anos, esta era a ultima estação da linha azul, norte – sul, que faz ligação com a estação Jabaquara, lá na zona sul. O tempo foi passando, e não com a mesma velocidade o Metrô foi se expandindo. Hoje a ultima estação da zona norte é a Tucuruvi, perto da Serra da Cantareira, mas somente três estações após a esta. Quando vou para casa do meu trabalho com a minha moto, passo pelas imediações de duas delas.

No dia que fiz este desenho, fui com o meu molesquine e duas lapiseiras, na hora do almoço. Parei em uma esquina da parte final da Av Cruzeiro do Sul, quando ela termina em uma praça. A esquerda há um acesso para rua Alfredo Pujol e a Direita a rua Conselheiro Saraiva. Para o trem que vai para a estação Tucuruví, os trilhos descem da plataforma para um túnel que passa sob a praça, já o trem que vai para o sul permanece nesta plataforma por mais três estações e apenas retorna a um túnel após a Estação Armenia, na avenida Tiradesntes.
Gastei aproximadamente 20 minutos desenhando, e depois, em casa, eu apliquei a colorozação com aquarela.

Saturday, 9 May 2009

Homeless and Graffiti

IMG_3386

With out things to say, or maybe I’ll introduce that childes homeless… Maybe I’ll write in Portuguese… I apologize… but this things are very important to me and I don’t would be inaccurate…

Estava desenhando um enfeite que geralmente fica sobre o criado mudo da minha cama, e o abajur que tenho e que muitas vezes me serve de luz para desenhar ou ler alguma, quando perco o sono e fico algumas horas somente deitado. Vi em uma revista uma imagem de uma criança de rua acuada e ajoelhada, mais ou menos nesta posição por uma roda de adultos, provavelmente pessoas que não tem o que comer. A cena era inspiradora e também preocupante. Achei que não era justo fazer um desenho clássico com minuciosos detalhes. Peguei então o lápis preto e fiz de intuição de primeiro traço. O resultado foi este... Deixei a pintura, acabamento ou sombreamento para o acaso. O desenho da esquerda está coberto por grafite e sei que o atrito de uma pagina com outro vai acabar manchando o menino de rua. Como também nós fazemos, deixamos estas crianças ao acaso... Triste não?

Friday, 8 May 2009

Oriental man


GeoTagged, [S23.49785, E46.64554]

An person of my Job, Sketched in the Brushes.

Tuesday, 5 May 2009

Probably an Cearense's sailboat

IMG_3375

IMG_3370

The time continue passing, and the exercises is coming slowly. I was sitting and no thinking about nothing, while my wife was watching a novella in the television. Definitely, I don´t like that tv series and then, I went to doing one useful thing, I went to study watercolors...

The cearense is that peoples that leaves in Ceará state, of Brazil, the most knowledge city is Fortaleza . For this piece I made with scholar grade watercolors... Is contrast and pigmentation aren't too bad.

And down a study of heads (big heads) for an job that I´ll do. I´m finding to some forms of feeling faces with out expression lines defined.

By the way, pardon-me that ones that don't know Machado de Assis language, but I need to say a lot of things, ideas, and optionality, I going to write in my fist language. É confortável ter um mínimo de domínio no objeto da comunicação. Misturo as coisas, como aqui no meu país o pessoal soca palavras inglesas no meio das frases.

O tempo continua passando lentamente, e aos poucos os exercícios vão se sucedendo. Estava sentando, com o pensamento divagando enquanto minha esposa assistia a uma novela na tv. Decididamente eu não gosto de novelas e então resolvei fazer uma coisa mais útil e ir estudar aquarelas.

Talvez, você que lê em Inglês e Português esteja se perguntando o porque do texto na língua de Machado de Assis, deste e de tantos outros posts, serem mais detalhados e fluentes. A resposta é simples: Em português eu consigo me comunicar com mais fluência. Tenho muitas idéias que gostaria de compartilhar e para escrever da maneira como quero em inglês me falte vocabulário, daí monto alguns textos muito chochos e bem parecido com aquelas redações de crianças. Sei que isso é questão de tempo e muito estudo, mas o principal eu já fiz, mesmo sabendo que escrevo com erros grosseiros, que ainda não consigo identificar, mas continuo escrevendo e expondo o que faço. Continuo pensando que o mais importante é me comunicar. Aqueles mais puristas, que fazem questão de uma escrita polida, peço desculpas, mas não deixarei de fazer.

Acredito que a primeira figura seja de um veleiro cearense... em outra ocasião fiz um óleo sobre tela com este tema. Admiro muito veleiros. Esta aquarela foi baseada em uma figura que ao acaso encontrei em um livro.

Ainda continuo treinando aquarelas, não com a intensidade que gostaria, mas aos poucos vou pegando o jeito, como ora faço com o Inglês. Ontem no final da noite fui colorir um desenho no meu Sketchbook, um que fiz no centro de Santana na quinta-feira passada, e o resultado foi um pouco melhor. Aos poucos, passo a passo, eu chego lá.

E abaixo, um estudo de cabeças para um trabalho que pretendo fazer. Em português temos uma excelente palavra para definir as grandes cabeças, é “cabeção”. Por estas e por outras é que adoro o idioma de Camões. Voltando ao assunto. Estou estudando formas de rostos com bastante expressão mas sem as feições definidas. Mas isso já é assunto para um outro post.

Monday, 4 May 2009

Tree sketches made in the iPhone

IMG_0179 IMG_0178 IMG_0191

I spend 10 minutes in each one

Friday, 1 May 2009

At an Indian Restaurant

For who likes to enjoy different foods, São Paulo is a great city. On last Friday I went with my friends to lunch at an Indian restaurant. I really enjoyed the vegetarian food. Is true it’s have a good taste. I was surprised with feijoada soybean and also estrogonofe soybean with cheese tofu. Here a sketch of my funny friends while they were waiting for food. And still I heard a girl of another one table commenting: “Look this, he’s drawing!” I really like this!

A very interesting sentence that I read on a sticking plaster at the entrance was “I don't eat nothing that have a face”. I think it´s a funny but serious too. I don´t approve a large killing of the animals and, and I think isn't correct the peoples to complain about the meat tough, of the poor animal that was sacrificed to be there on the us table. I believe we have what we deserve, and perhaps, the Indian people, who are very spirituality, deserve much more...

There was an error in this gadget